Greve nas companhias aéreas: indenização

    Greve nas companhias aéreas: indenização

    Na Europa, é relativamente comum que os funcionários de uma companhia aérea entrem em greve com o intuito de reivindicar melhorias ao setor. Para os passageiros aéreos, isso normalmente resulta em inúmeros problemas relacionados a interrupções de voos.

    De acordo com a lei europeia, as companhias aéreas são responsáveis em situações como essa. Sendo assim, se houve um atraso de voo ou um cancelamento de voo provocado por greve nas companhias aéreas, você pode ter direito a receber até €600 de indenização.

    Nos últimos 3 anos, você teve seu voo cancelado ou atrasado devido a uma greve da companhia aérea na União Europeia?

    Verificar indenização

    Seu voo foi afetado por uma greve nas companhias aéreas?

    Todas as companhias aéreas

    Todos os países

    Se não ganhar, não paga


    Indenização por greve na companhia aérea: conheça seus direitos

    Enquanto passageiros aéreos, na União Europeia estamos protegidos por uma lei chamada CE 261. Esta lei trata de maneira específica e bastante clara sobre os direitos do passageiro aéreo em casos de atraso de voo, cancelamento de voo, overbooking, dentre outras situações.

    O Tribunal de Justiça Europeu decidiu em 2018 que os transtornos causados por greves de funcionários se qualificam para indenização, uma vez que a companhia aérea é responsável por sua equipe. Portanto, se o seu voo na União Europeia sofreu atraso ou foi cancelado devido a uma greve da empresa, você pode ter direito a uma indenização.

    No caso do Brasil, os direitos dos passageiros aéreos estão protegidos pela Resolução nº 400 da ANAC. No entanto, a lei brasileira não faz menção a greve de companhias aéreas. Se houver, é provável que haja atraso de voo ou cancelamento de voo. Nesse caso, valem as especificações da lei relacionadas a essas situações.

    Saiba mais sobre a CE 261 e seus direitos como passageiro aéreo aqui.


    Elegibilidade para indenização por greve na companhia aérea

    Quando tenho direito à indenização por greve na companhia aérea?

    Quando não tenho direito à indenização por greve na companhia aérea?

    E quanto às greves anteriores da companhia aérea?

    Verifique se você tem direito à indenização por greve nas companhia aéreas com a AirHelp

    Quando tenho direito à indenização por greve na companhia aérea?

    As greves nas companhias aéreas devem envolver os funcionários: pilotos, tripulação de bordo, engenheiros aéreos e os demais que trabalham diretamente para a companhia aérea.

    Ao reservar um voo que foi afetado por uma greve de funcionários, você pode ter direito a uma indenização da companhia aérea em virtude do transtorno causado.

    De acordo com a lei europeia, você tem direito a uma indenização por greve se:

    ● Você tinha uma reserva de voo confirmada;

    ● Você teve um voo que sofreu transtorno devido a uma greve de funcionários da companhia aérea;

    ● Seu voo sofreu atraso igual ou superior a 3 horas ou foi cancelado com menos de 14 dias de antecedência do horário de partida.

    ● Você pegou um voo alternativo e seu novo horário de chegada foi significativamente diferente do horário de chegada do seu voo original;

    ● Seu voo deveria partir da União Europeia, era de uma companhia aérea europeia ou tinha destino à União Europeia;

    ● O problema ocorreu nos últimos 3 anos.

    Quando não tenho direito à indenização por greve na companhia aérea?

    Segundo o regulamento europeu, você não tem direito a uma indenização por greve caso a companhia aérea não tenha controle sobre ela. Por exemplo:

    ● Greves de funcionários da segurança do aeroporto;

    ● Greves de funcionários do setor de bagagens;

    ● Greves de funcionários da administração de tráfego aéreo;

    ● Greves causadas por agitação política.

    Embora greves de funcionários da companhia aérea estejam sob o controle da empresa, todas as outras greves são consideradas circunstâncias extraordinárias.

    Circunstâncias extraordinárias são quaisquer eventos ou situações que estejam completamente fora do controle da companhia aérea e que não possam ser evitados, mesmo que medidas razoáveis tenham sido adotadas para se proteger contra eles. Nesses casos, a companhia aérea não pode ser responsabilizada.

    E quanto às greves anteriores da companhia aérea?

    Caso tenha sido afetado por uma greve da companhia aérea nos últimos 3 anos, você pode ter direito a uma indenização. Use nossa ferramenta de verificação de indenização para certificar se você tem direito

    Verifique se você tem direito à indenização por greve nas companhias aéreas com a AirHelp

    Não tem certeza se o seu voo dá direito a uma indenização por greve de funcionários da companhia aérea? Existem inúmeras leis e exclusões. Por isso, para obter uma resposta fácil e rápida, tudo o que você precisa fazer é preencher os seus dados na nossa ferramenta de verificação de indenização. Nós vamos informar se o seu voo dá direito a uma indenização e qual seria o valor.

    Você tem direito a uma indenização?

    Todas as companhias aéreas

    Todos os países

    Se não ganhar, não paga

    E quanto a greves anteriores da companhia aérea?

    Caso tenha sido afetado por uma greve da companhia aérea nos últimos 3 anos, você pode ter direito a uma indenização.Consulte a lista abaixo ou use nossa verificação de indenização para ver se você tem direito.


    Quanto é possível ganhar em uma indenização por greve na companhia aérea?

    De acordo com a regulamentação válida na União Europeia, o valor da indenização à qual você tem direito depende de circunstâncias individuais, mas pode chegar a €600 por pessoa. Clique no tipo de transtorno que você enfrentou para saber mais a respeito.

    Indenização por cancelamento do voo

    Indenização por atraso do voo

    Indenização por embarque negado

    * Todos os valores nesta página são exibidos em euros, já que o processamento legal ocorre dentro da União Europeia.

    Indenização por cancelamento de voo devido à greve na companhia aérea

    Às vezes, greves nas companhias aéreas podem levar ao cancelamento total do voo. Se um de seus voos foi cancelado devido a uma greve, você pode ter direito à indenização.

    Isso ocorre se a companhia aérea tiver notificado você com menos de 14 dias de antecedência do horário de partida do seu voo e não tiver oferecido um voo alternativo com chegada em um horário semelhante.

    Até 2 horas 2 – 3 horas 3 – 4 horas Mais de 4 horas Nunca chegou ao destino Distância
    €125 €250 €250 €250 €250 Todos os voos de até 1.500 km
    €200 €200 €400 €400 €400 Voos dentro da UE com mais de 1.500 km
    €200 €200 €400 €400 €400 Voos fora da UE entre 1.500 – 3.500 km
    €300 €300 €300 €600 €600 Voos fora da UE com mais de 3.500 km

    Entenda quais são os seus direitos em caso de cancelamento de voo

    Indenização por atraso de voo devido à greve na companhia aérea

    Greves das companhias aéreas às vezes podem causar longos atrasos e afetar a chegada ao seu destino final. Você tem direito a uma indenização se o seu voo sofreu atraso de pelo menos 3 horas.

    Menos de 3 horas 3–4 horas Mais de 4 horas Nunca chegou ao destino Distância
    € – €250 €250 €250 Todos os voos de até 1.500 km
    € – €400 €400 €400 Voos dentro da UE com mais de 1.500 km
    € - €400 €400 €400 Voos fora da UE entre 1.500 – 3.500 km
    € – €300 €600 €600 Voos dentro da UE com mais de 3.500 km

     

    Saiba mais sobre os seus direitos em caso de atraso de voo

    Indenização por embarque negado

    Durante as greves nas companhias aéreas, pode haver situações de embarque negado (overbooking) devido à superlotação. Se o seu embarque foi negado contra sua vontade, você pode ter direito a uma indenização. Entenda melhor o que é overbooking e qual pode ser o valor da indenização.


    União Europeia: direitos do passageiro em caso de greve da companhia aérea

    Direito à assistência

    Conforme a legislação europeia, ao passar por um transtorno em um voo devido a uma greve na companhia aérea, você temdireito à assistência. Dependendo da duração do atraso, a companhia aérea tem obrigação de oferecer alguns serviços básicos, como:

    ● Refeições e lanches.

    ● Acesso a comunicações, incluindo duas chamadas telefônicas, mensagens de fax ou e-mails.

    ● Hospedagem em caso de pernoite, incluindo transporte do aeroporto para o hotel, e vice-versa.

    Direito à remarcação e reembolso

    Se o seu voo foi cancelado, você tem a opção de embarcar em um voo alternativo, organizado pela companhia aérea, para chegar ao seu destino. Também de acordo com o CE 261, caso o seu voo tenha sido cancelado ou tenha sofrido um atraso superior a 5 horas, você tem direito a recusar o voo e receber reembolso integral do valor da passagem. Entenda melhor quando pedir reembolso

    Descubra agora mesmo se o transtorno no seu voo lhe dá direito a uma indenização

    Todas as companhias aéreas

    Todos os países

    Se não ganhar, não paga


    Por que a AirHelp?

    A AirHelp…

    ● É a empresa de direitos de passageiros aéreos mais bem-sucedida do mundo.

    ● Tem advogados em mais de 30 países.

    ● Usa tecnologia de última geração em cada reivindicação.

    ● Facilita o pedido de indenização, eliminando o estresse envolvido.

    ● Trabalha de uma forma que, se você não ganhar, não paga nada.

    ● Melhora as viagens aéreas.



    A AirHelp foi mencionada:

    Exame logoInfomoney logoPanrotas logoFolha logo
    APRA

    A AirHelp é membro da Associação dos Defensores dos Direitos dos Passageiros (Association of Passenger Rights Advocates - APRA), cuja missão é promover e proteger os direitos dos passageiros.

    PT

    Copyright © 2021 AirHelp