Cancelar Botão para fechar janela modal

Voo atrasado ou cancelado? Obtenha uma compensação de até 600 €!

Ver compensação

Você Pode Passar com Comida pela Segurança do Aeroporto?

Por Elemar Cruz | Atualizado pela última vez

meat and vegetable sandwich

Se você já teve que comer comida rançosa e cara demais quando voa, provavelmente já se perguntou: “Posso passar com comida pela segurança do aeroporto?” Trazer a própria comida em sua bagagem de mão seria conveniente, sem falar que sairia mais barato também. Alem disso, seria uma ótima maneira de dar uma segurada na fome enquanto espera entre as refeições durante o vôo.

Mas como os agentes de segurança estão agindo de forma mais rigorosa do que nunca, pode ser difícil descobrir exatamente o que é, e o que não é permitido levar em um voo. Muitas pessoas já tiveram que jogar fora garrafas inteiras de água ao passar pela segurança, ou tiveram frascos de geléia confiscados.

Posso Passar com Comida pela Segurança do Aeroporto?

Então, você pode realmente passar com comida pela segurança do aeroporto e levar para o avião, ou você tem que se contentar com lanches de nível inferior do carrinho?

Bem, a resposta curta é sim, você pode. Você pode trazer sua própria comida com certeza, desde que atenda aos padrões da companhia aérea. É claro que os voos de longa distância tendem a ser um pouco mais rigorosos em comparação com os voos domésticos, mas a maioria das companhias aéreas permite que você leve comida no avião sem problemas

No entanto, antes de decidir levar sua própria comida no avião, lembre-se de que a maioria dos fiscais de seguranças pode pedir que você coloque os itens alimentares em uma bandeja separada da sua bagagem para permitir uma inspeção mais rigorosa. Portanto, se você está com pressa, leve em consideração que isso pode acrescentar alguns minutos a mais ao tempo gasto para passar por pontos de verificação de segurança. Você também precisa ficar preparado para responder várias perguntas sobre o que você está levando a bordo. Todo esse processo pode acarretar atrasos.

Porcas sortidas
Imagem de Untavilordo on Pixabay

Posso Passar com Lanches pela Segurança do Aeroporto?

Como regra geral, é melhor levar alimentos sólidos e secos que foram devidamente selados em um recipiente à prova de vazamentos. Os lanches em suas embalagens originais geralmente passam, pois são lacrados, rotulados adequadamente e fáceis de identificar. Então, fique a vontade para levar os pacotes de amendoim e barras de proteína!

Posso Passar Biscoitos pela Segurança do Aeroporto?

A boa notícia para aqueles que gostam de doces é que a maioria dos biscoitos, pães e outros produtos assados podem ser levados e passar pela segurança do aeroporto facilmente. Na verdade, você pode até trazer um bolo inteiro, desde que esteja devidamente lacrado em sua embalagem e não contenha nenhum líquido. Por exemplo, um bolo de maçã ou um bolo de chocolate provavelmente vai passar bem, mas algo como uma geléia, um bolo de sorvete ou um cheesecake macio, provavelmente não será permitido.

Cheesecake? Mas Isso Não É Líquido!

Os queijos de pasta mole classificam-se em líquidos
Imagem de Jill111

Sim, itens como cheesecakes provavelmente não vão passar. Por quê? Porque é considerado um líquido.

A maioria dos passageiros aéreos está familiarizada com a política de líquidos, que determina que você só pode levar o máximo de 100 ml por frasco, e que todos esses fraquinhos individuais devem caber em um único saco transparente de 20 x 20 cm, que abre e fecha.

Embora esta regra seja fácil de seguir, pode causar confusão se um item alimentar não contém líquidos visíveis óbvios. Por exemplo, os produtos enlatados são uma fonte comum de confusão, mas também os doces, gel, condimentos e a maioria dos tipos de molhos.

Mesmo certos tipos de queijo, que geralmente parecem sólidos por serem cobertos por uma crosta, ainda se enquadram nessa regra. Queijos como camembert, brie e gorgonzola são todos considerados líquidos e entram na regra dos líquidos.

De fato, todos os tipos de pastas e alimentos cremosos são considerados líquidos, incluindo manteiga, pasta de amendoim, pasta de chocolate, patê, húmus, e até mesmo cheesecake.

Posso Passar com Batatas Fritas pela Segurança do Aeroporto?

Uma vez que as batatas fritas se encaixam como produtos embalados, geralmente não há problema em levar para dentro do avião. Quer sejam batatas fritas, tortillas ou até outros tipos de legumes orgânicos fritos, pacotes de todos os tipos são bem-vindos no avião. Apenas lembre-se de não mastigar as batatinhas enquanto todos estiverem dormindo! O som incomodar outros passageiros.

Posso Levar Bebidas Alcoólicas para o Avião?

Levar bebidas alcoólicas em um avião pode ser muito complicado. Obviamente, as garrafas precisam seguir a limitação da quantidade de líquido, mas esse não é o único problema. Se a bebida tiver mais de 50% de álcool, não poderá ser embaladas em sua bagagem de mão ou em sua bagagem despachada – então é melhor deixar as garrafas de vodka e rum para trás!

Posso Passar com Alimentos Lacrados ou em Lata pela Segurança do Aeroporto?

A maioria dos tipos de alimentos selados em embalagens de plástico ou alumínio podem ser levadas através da segurança do aeroporto. O alimento enlatado, no entanto, é muito mais complicado. Isso ocorre porque os alimentos enlatados geralmente contêm algum tipo de líquido neles, que deve seguir a regra de limites líquidos. Além disso, o conteúdo das latas não aparecem bem no Raio-X e são difíceis de inspecionar, o que representa um risco de segurança.

Se você impreterivelmente precisa levar produtos enlatados no avião, melhor colocar em sua bagagem despachada. Infelizmente, comer uma lata de atum ou de feijão não é uma opção no avião.

Posso Passar com Comida Caseira pela Segurança do Aeroporto?

Salada caseira picada numa tigela
Imagem de Jeffrey Betts

Embora seja fácil levar comida caseira para o avião, algumas opções podem ser complicadas. Lanches embalados, como pão, cereais, doces e bolachas geralmente passam sem problema, mas se você quiser preparar sua própria comida, você tem que ter cuidado com a forma como você vai embalar e a quantidade de líquido que a comida contém.

Pratos com molho ou ensopados não são permitidos, por isso você não pode trazer o espaguete à bolonhesa a bordo. Enquanto os sanduíches geralmente não são um problema, você ainda precisa tomar cuidado com seus condimentos. A maioria dos funcionários de segurança deixará passar, mas se houver um acúmulo de líquido no fundo do contêiner, eles podem pedir que você o jogue fora.

Ao embalar sua comida, melhor colocar tudo em um recipiente hermético, à prova de vazamentos e que possa ser vedado novamente. Se necessário, embale com filme plástico extra. Recipientes transparentes são os melhores para permitir que a segurança possa inspecionar os alimentos rapidamente.

E obviamente, leve em consideração seus companheiros de viagem. Evite embalar alimentos de aromas forte. Você não quer que as pessoas reclamem do mau cheiro durante o voo.

Posso Levar Alimentos Frescos no Avião?

Alimentos frescos, como carne crua, frutos do mar, frutas frescas, verduras e até mesmo ovos, costumam ser permitidos levar na bagagem de mão, desde que sejam selados para evitar que qualquer cheiro e vazamento. Embora você provavelmente não acabe comendo muitos desses itens no avião, saiba que é possível levá-los na cabine com você.

No entanto, isso só é verdadeiro para voos domésticos – os voos internacionais são tipicamente muito rigorosos com alimentos frescos, especialmente frutas e legumes. Essas medidas estão em vigor para impedir a introdução de espécies ou doenças invasoras em novos ambientes. Se você planeja levar alimentos frescos para o avião, melhor sempre verificar antes com a imigração e alfândega do local de destino.

E se Eu Precisar Levar Comida para Meu Bebê?

Comida de bebé, sumo e fruta.
Imagem de Maple Horizon

Se você estiver viajando com uma criança de até dois anos de idade, as companhias aéreas permitirão que você leve sua própria comida – e deixam você levar o quanto precisar! Eles relaxaram as regras de trazer itens como suco, leite e comida de bebês no avião, para que você possa alimentar e cuidar do seu filho.

Mas não se esqueça que você precisa declarar esses itens! Mesmo que seja apenas comida de bebê ou leite em pó, você deve declarar na alfândega para evitar qualquer contratempo.

Embora alimentos, leite materno, água destilada e outros itens para bebês estejam excluídos da regra de limite de líquidos, os agentes de segurança ainda esperam que você leve apenas uma quantia razoável que seja suficiente apenas para a sua viagem. Mantenha os itens em uma área acessível, pois eles provavelmente estarão sujeitos a inspeções adicionais. Fique preparado para que o pessoal da segurança cutuque, abra e cheire os contêineres.

Bom Apetite!

Viajar com comida pode fazer com que as longas esperas no aeroporto e seu voo sejam muito mais agradáveis. Embora seja necessário um pouco de trabalho para se certificar de que está em conformidade com as políticas das companhias aéreas, vale a pena se o resultado for comer o que você gosta e não ficar com o estômago roncando.

Ainda não tem certeza sobre qual comida pode passar pela segurança do aeroporto? Se tiver alguma dúvida, entre em contato com a companhia aérea e pergunte diretamente. Se você estiver viajando para ou dentro dos EUA, você pode até baixar o aplicativo MyTSA, onde você pode tirar uma foto do seu item e perguntar se o mesmo pode passar pela segurança.

Portanto, não se preocupe e fique à vontade para levar seus próprios lanches no avião. Uma vez a bordo, tudo o que resta é aproveitar a sua refeição.

Atrasos de voo acontecem, mas isso não significa que você tenha que aceitar essa situação sem reclamar. Você pode ter direito a um valor muito acima de US $ 700 em compensação se o seu voo atrasou, cancelou ou deu overbooking nos últimos três anos.