CancelarBotão para fechar janela modal

Problemas de bagagem

As viagens aéreas podem ser difíceis para a sua bagagem. Muitas vezes, as malas não recebem o tratamento cuidadoso que merecem e chegam mesmo a desaparecer. No entanto, ajudamo-lo a tomar o caminho certo rumo a uma compensação o mais choruda possível.

Ver Compensação

Bagagem danificada em voos EUA

Bagagem perdida ou danificada? Receba uma compensação de 1525 $ – 3500 $Ver compensação

Eis o que deve fazer se suas malas chegarem danificadas em voos domésticos nos Estados Unidos:

1) Guarde bem o seu cartão de embarque e quaisquer outros documentos de viagem.

Se não tiver o seu cartão de embarque, pode usar qualquer documento com um número de referência da reserva. Este é atribuído à reserva do seu voo pela companhia aérea. Trata-se de um código de seis dígitos, o qual pode incluir letras e números.

2) Comunique os danos antes de sair do aeroporto, mas depois de receber as suas malas.

Se não lhe for possível comunicar os danos antes de abandonar o aeroporto, pode ser capaz de fazê-lo mais tarde, mas tenha em mente que os requisitos variam de uma companhia para outra, por isso, aconselhamo-lo a verificar a política da sua companhia aérea.

3) Preencha o formulário de reclamação de bagagem ou o Relatório de Irregularidade de Propriedade (PIR).

Provavelmente, irão dizer-lhe para fazer isto quando comunicar os danos pessoalmente, mas algumas companhias aéreas disponibilizam também os formulários on-line.

4) Apresente as suas malas para inspeção, para que possam ser reparadas ou substituídas.

Novamente, é melhor fazê-lo antes de sair do aeroporto, se possível. A companhia aérea negociará uma solução consigo, isto é, se a própria repara o dano, substitui os artigos, ou se o compensa pelo sucedido.

5) Apresente uma reclamação junto da companhia aérea pelos artigos danificados nas suas malas.

Existem várias exceções no que diz respeito aos artigos que a companhia aérea cobre, pelo que a mesma pode negar qualquer responsabilidade. No entanto, se conseguir fornecer um argumento convincente que responsabilize a companhia aérea, é bem possível que valha a pena investir um pouco do seu tempo neste sentido.

Quer saber mais? Explore todos os detalhes sobre bagagem danificada em voos domésticos nos EUA e aprenda ainda mais sobre os seus direitos como passageiro aéreo.

Bagagem danificada na UE e em voos internacionais

Se estiver num voo internacional ou na UE e as suas malas chegarem danificadas, aqui está o que deve fazer:

1) Guarde bem o seu cartão de embarque e quaisquer outros documentos de viagem.

Se não tiver o seu cartão de embarque, pode usar qualquer documento com um número de referência da reserva. Este é atribuído à reserva do seu voo pela companhia aérea. Trata-se de um código de seis dígitos, o qual pode incluir letras e números.

2) Comunique os danos o mais rápido possível.

Tem até 7 dias a partir do momento em que recebe as suas malas para fazê-lo, mas é sempre melhor comunicar o problema antes de abandonar o aeroporto.

3) Preencha o formulário de reclamação de bagagem ou o Relatório de Irregularidade de Propriedade (PIR).

Provavelmente, irão dizer-lhe para fazer isto quando comunicar os danos pessoalmente, mas algumas companhias aéreas disponibilizam também os formulários on-line.

4) Apresente as suas malas para inspeção, para que possam ser reparadas ou substituídas.

Novamente, é melhor fazê-lo antes de sair do aeroporto, se possível. A companhia aérea negociará uma solução consigo, isto é, se a própria repara o dano, substitui os artigos, ou se o compensa pelo sucedido.

5) Apresente uma reclamação junto da companhia aérea pelos artigos danificados nas suas malas.

Existem várias exceções quanto ao tipo de artigos que a companhia aérea cobre, pelo que a mesma pode negar qualquer responsabilidade. No entanto, se conseguir fornecer um argumento convincente que responsabilize a companhia aérea, é bem possível que valha a pena investir um pouco do seu tempo neste sentido.

Quer saber mais? Explore todos os detalhes sobre bagagem danificada em voos internacionais e aprenda ainda mais sobre os seus direitos como passageiro aéreo.

Bagagem atrasada em voos EUA

Se estiver num voo doméstico nos EUA e as suas malas não chegarem quando aterrar, siga estes passos:

1) Guarde bem o seu cartão de embarque e quaisquer outros documentos de viagem.

Se não tiver o seu cartão de embarque, pode usar qualquer documento com um número de referência da reserva. Este é atribuído à reserva do seu voo pela companhia aérea. Trata-se de um código de seis dígitos, o qual pode incluir letras e números.

2) Comunique o quanto antes à companhia aérea que as suas malas não apareceram.

É melhor fazer isto antes de abandonar o aeroporto. Os requisitos variam de uma companhia para a outra, por isso, aconselhamo-lo a verificar a política da sua companhia aérea.

3) Preencha o Relatório de Irregularidade de Propriedade.

Quando preencher o Relatório de Irregularidade de Propriedade, ou PIR, ser-lhe-á atribuído um número de referência para a sua ocorrência. Guarde ambos.

4) Caso lhe tenha sido cobrada uma taxa pela bagagem, solicite à companhia aérea um desconto sobre a mesma.

As políticas variam de uma companhia para a outra, mas não custa nada perguntar. Algumas companhias aéreas oferecem apenas descontos via crédito, mas insista em numerário, se possível. Se recusarem, considere adicioná-lo ao seu pedido de reembolso (passo 7, abaixo).

5) Acompanhe o trajeto da sua bagagem usando o seu número de referência.

Muitas operadoras oferecem ferramentas de tracking on-line. Desta forma poderá ter uma ideia de quando a sua bagagem chegará a si.

6) Guarde os seus recibos se tiver de substituir artigos necessários. Estes incluem artigos como produtos de higiene pessoal ou roupa interior, coisas que estavam na sua bagagem, as quais lhe fazem falta para os dias que se seguem. Assim que fizer uma reclamação, poderá ser capaz de obter um reembolso para estas despesas.

7) Apresente uma reclamação junto da companhia aérea.

É aqui que os recibos para os tais artigos necessários entram em jogo. A maioria das companhias aéreas exige que o seu pedido seja feito o mais tardar nos 45 dias subsequentes à data do seu voo, mesmo que suas malas ainda não tenham chegado. Novamente, isso varia de uma operadora para a outra, por isso, verifique a política da sua companhia aérea.

Quer saber mais? Explore todos os detalhes sobre bagagem atrasada em voos domésticos nos EUA e aprenda ainda mais sobre os seus direitos como passageiro aéreo.

Bagagem atrasados ​​na UE e em voos internacionais

Para voos internacionais e na UE, siga estes passos se a sua bagagem não chegar ao mesmo tempo que você:

1) Guarde bem o seu cartão de embarque e quaisquer outros documentos de viagem.

Se não tiver o seu cartão de embarque, pode usar qualquer documento com um número de referência da reserva. Este é atribuído à reserva do seu voo pela companhia aérea. Trata-se de um código de seis dígitos, o qual pode incluir letras e números.

2) Comunique o quanto antes à companhia aérea que as suas malas não apareceram.

É melhor fazer isso antes de abandonar o aeroporto, se possível.

3) Preencha o Relatório de Irregularidade de Propriedade.

Quando preencher o Relatório de Irregularidade de Propriedade, ou PIR, ser-lhe-á atribuído um número de referência para a sua ocorrência. Guarde ambos.

4) Acompanhe o trajeto da sua bagagem usando o seu número de referência.

Muitas operadoras oferecem ferramentas de tracking on-line. Desta forma poderá ter uma ideia de quando a sua bagagem chegará a si.

5) Guarde os seus recibos se tiver de substituir artigos necessários.

Estes incluem artigos como produtos de higiene pessoal ou roupa interior, coisas que estavam na sua bagagem, as quais lhe fazem falta para os dias que se seguem. Assim que fizer uma reclamação, poderá ser capaz de obter um reembolso para estas despesas.

6) Apresente uma reclamação junto da companhia aérea assim que a sua bagagem aparecer.

Isto serve para reembolsá-lo por quaisquer despesas decorrentes do atraso na recepção das suas malas, tais como a substituição de artigos necessários (passo 5 acima). Tem 21 dias a partir do momento em que recebe as suas malas para apresentar esta reclamação. Também precisará de fornecer seus recibos.

Quer saber mais? Explore todos os detalhes sobre bagagem atrasada em voos internacionais e aprenda ainda mais sobre os seus direitos como passageiro aéreo.

Bagagem perdida em voos nos EUA

Para voos domésticos nos EUA, aqui está o que deve fazer quando as companhias aéreas perdem a sua bagagem:

1) Guarde o seu número de referência, o qual foi fornecido pela companhia aérea.

Deve ter recebido este número quando preencheu o Relatório de Irregularidade de Propriedade (PIR) após a sua bagagem ter chegado atrasada.

2) Guarde os seus recibos se tiver de substituir artigos necessários.

Estes incluem artigos como produtos de higiene pessoal ou roupa interior, coisas que estavam na sua bagagem, as quais lhe fazem falta para os dias que se seguem. Assim que fizer uma reclamação, poderá ser capaz de receber um reembolso para estas despesas.

3) Faça uma lista detalhada do conteúdo da sua bagagem perdida.

Quaisquer recibos ou outra prova destes artigos serão úteis. Existem várias exceções ao tipo de artigos que as companhias aéreas cobrem, mas deverá poder ser reembolsado pela maior parte do conteúdo da sua bagagem.

4) Apresente uma reclamação junto da companhia aérea para obter uma compensação.

Consulte a sua transportadora para saber o prazo para preencher uma reclamação pela sua bagagem perdida. Inclua os recibos e os documentos para os seus artigos de reposição e para o conteúdo da sua bagagem.

Quer saber mais? Explore todos os detalhes sobre bagagem perdida em voos domésticos nos EUA e aprenda ainda mais sobre os seus direitos como passageiro aéreo.

Bagagem perdida na UE e em voos internacionais

Para passageiros voando internacionalmente ou na UE, aqui está o que fazer quando as companhias aéreas perdem a sua bagagem:

1) Guarde o seu número de referência, o qual foi fornecido pela companhia aérea.

Deve ter recebido este número quando preencheu o Relatório de Irregularidade de Propriedade (PIR) após a sua bagagem ter chegado atrasada. Esta é considerada perdida 21 dias depois da data em que deveria ter chegado a si – ou até antes, caso a companhia aérea admita que esta esteja perdida.

2) Guarde os seus recibos se tiver de substituir itens necessários.

Estes incluem artigos como produtos de higiene pessoal ou roupa interior, coisas que estavam na sua bagagem, as quais lhe fazem falta para os dias que se seguem. Assim que fizer uma reclamação, poderá ser capaz de obter um reembolso para estas despesas.

3) Faça uma lista detalhada do conteúdo da sua bagagem perdida.

Quaisquer recibos ou outra prova destes artigos serão úteis. Existem várias exceções ao tipo de artigos que as companhias aéreas cobrem, mas deverá poder ser reembolsado pela maior parte do conteúdo da sua bagagem.

4) Apresente uma reclamação junto da companhia aérea para obter uma compensação.

Inclua os recibos e os documentos para os seus artigos de reposição e para o conteúdo da sua bagagem, assim como os recibos de quaisquer despesas resultantes da perda da sua bagagem (e.g. itens de substituição).

Quer saber mais? Explore todos os detalhes sobre bagagem perdida em voos internacionais e aprenda ainda mais sobre os seus direitos como passageiro aéreo.

Deixe a AirHelp verificar se o seu voo é elegível.

Teve um atraso de voo ou outro problema relacionado com viagens aéreas nos últimos três anos? Basta que nos forneça os detalhes da sua viagem. Logo lhe diremos se pode ser compensado ou não.