CancelarBotão para fechar janela modal

Voo atrasado ou cancelado?Obtenha uma compensação de até 600 €!

Ver compensação

Posso passar com comida na segurança do aeroporto?

Por Francisco Sampaio | Atualizado pela última vez

sanduíche de carne e legumes

Se já alguma vez comeu comida muito cara e que não era fresca, quando tem um voo, então já deve ter se questionado ‘Posso passar com comida na segurança do aeroporto?’. Trazer a sua própria comida na mala é muito mais conveniente e para não falar que também é muito mais barato. Era uma boa forma de controlar aqueles momentos de fome inesperada enquanto espera pelo seu voo.

Mas com os agentes das portas de segurança a tornarem-se dada vez mais rigorosos, pode ser difícil perceber exatamente o que pode ou não levar num voo. Muita gente já teve que deitar fora garrafas de água cheias antes de passar na segurança, ou frascos de geleia a serem confiscados.

Posso passar com comida na segurança do aeroporto?

Então, pode realmente passar comida pela segurança do aeroporto, ou tem que ficar pelos snacks do avião?

Bem, a resposta mais curta é sim, pode. Tem todo o direito em levar a sua própria comida, desde que corresponda com os padrões da companhia aérea. Claro, voos internacionais são um pouco mais rigorosos comparados com voos domésticos, mas a maior parte das companhias aéreas permite que leve comida no avião sem problema.

No entanto, antes de decidir levar comida no avião, lembre-se que os agentes na segurança do aeroporto podem pedir que separe a comida dos outros itens para que a possam inspecionar melhor. Se está com pressa, isto pode demorar alguns minutos a mais no processo. E deve estar preparado a responder algumas questões sobre o que vai levar a bordo do avião. Este processo às vezes leva a atrasos e faz com que perca o avião.

Porcas sortidas
Imagem de Untavilordo on Pixabay

Posso passar com snacks na segurança do aeroporto?

A regra geral é levar comida sólida, seca e bem selada, e num local à prova de vazamentos. Snacks no pacote original normalmente passam sem problemas, porque estão selados e é fácil identificá-los de acordo com o rótulo. Por isso está à vontade para trazer esses pacotes de amendoins e barras de cereais!

Posso passar com bolachas na segurança do aeroporto?

Boas notícias para os mais gulosos: A maior parte das bolachas, pão e outros bolos podem passar facilmente na segurança do aeroporto. Até pode levar um bolo inteiro, desde que esteja bem selado e não contenha líquido. Por exemplo, um bolo de maçã ou chocolate passa sem problema, mas por exemplo um bolo gelatinoso, ou bolo de gelado ou até um cheesecake muito suave podem ser negados.

Cheesecake? Mas não é líquido!

Os queijos de pasta mole classificam-se em líquidos
Imagem de Jill111

Sim, itens como um cheesecake provavelmente terão de ficar para trás. Porquê? Porque é considerado um líquido.

A maior parte dos viajantes de avião já conhece a regra dos líquidos 3-1-1, que diz que só pode levar 100 mililitros de líquido por pacote, e todos estes líquidos devem ficar num só pequeno saco de plástico transparente.

Enquanto esta regra é fácil de seguir, por vezes existe confusão em perceber se certas comidas contêm líquido a mais. Por exemplo, comidas enlatadas, ou geleia, gel, molhos, etc

Até certos tipos de queijo, que normalmente parecem sólidos quando estão cobertos com aquela camada externa dura. Camembert, brie, e queijo azul são considerados líquidos e devem seguir a regra dos 3-1-1.

De facto, todos os tipos de pastas e comidas cremosas são considerados líquidos, incluindo manteiga, manteiga de amendoim, chocolate de barrar, patê, húmus, e sim, até cheesecake.

Posso passar com batatas fritas na segurança do aeroporto?

Porque as batatas fritas são comidas embaladas, normalmente não há problema em passar pela segurança. Quer sejam batatas fritas ou tortillas, ou até batatas de couve orgânicas, todos os tipos de batatas fritas são aceites. Lembre-se apenas de não as comer quando toda a gente está a tentar dormir! O barulho pode incomodar.

Posso levar álcool para dentro do avião?

O álcool no avião já é mais complicado de perceber. Bebidas alcoólicas obviamente devem obedecem a regra dos 3-1-1, mas esse não é único problema. Se a bebida tem mais de 70% no valor de álcool, então não podem ser guardadas na sua mala – é melhor deixar essas garrafas de álcool em casa!

Posso passar com comida enlatada ou selada na segurança do aeroporto?

A maior parte da comida selada em plástico ou alumínio pode passar pela segurança do aeroporto. Por outro lado comidas enlatadas é mais complicado. Isto porque comidas enlatadas normalmente contêm algum líquido, o que deve seguir a regra 3-1-1. Adicionalmente, as latas não passam bem no x-ray e é difícil verificar isso, o que faz com que seja um risco passá-las pela segurança.

Se deve mesmo levar essas comidas enlatadas na viagem, guarde-as na sua mala de porão. Infelizmente, uma lata de atum ou de feijões não é uma opção para comer no avião.

Posso passar comida feita em casa na segurança do aeroporto?

Salada caseira picada numa tigela
Imagem de Jeffrey Betts

Enquanto deve ser fácil levar comida caseira no aeroporto, algumas escolhas podem ser difíceis. Snacks embalados como pão, cereais, doces e bolachas normalmente passam sem problema, mas se quer fazer a sua própria comida, tenha cuidado com a forma como guarda essa comida e o líquido que ela contém.

Sopa ou comida com muito molho obviamente não vai passar, por isso infelizmente não pode levar a esparguete bolonhesa da sua avó no avião. Enquanto sandes normalmente não causam problemas, tem que ter cuidados com os molhos. A maior parte dos agentes de segurança vão deixar passar, mas se existe algum tipo de líquido a escorrer vão pedir que deite fora.

Quando está a preparar a comida, tenha a certeza que a coloca num recipiente bem selado, sem possível vazamento, e que possa ser aberto e fechado de novo. Leve também plástico envoltório extra se for preciso. Recipiente transparentes são a melhor forma de deixar os agentes verificar a comida que leva.

E claro, tenha sempre em mente os outros passageiros. Evite levar comidas com cheiro muito forte – não quer que as pessoas se estejam a queixar do cheiro o voo todo.

Posso levar comida fresca no avião?

Comida fresca como carne crua, frutos do mar, fruta fresca, legumes, e até ovos é possível passar pela segurança desde que estejam bem selados para prevenir cheiros fortes e líquidos de derramar. Mesmo provavelmente não os comer no avião, saiba que é possível levá-los na cabine consigo.

No entanto, isto só é verdade para voos domésticos – voos internacionais tipicamente são muito rigorosos no que toca a comidas frescas, especialmente fruta e legumes. Estas precauções existem para evitar espalhar doenças e micróbios para novos ambientes. Verifique sempre na alfândega se tem intenções de levar comida fresca no avião.

E se precisar de levar comida para o meu bebé?

Comida de bebé, sumo e fruta.
Imagem de Maple Horizon

Se vai viajar com uma criança menor de dois anos, as companhias aéreas permitem que leve a sua própria comida – e deixam levar quanta precisar! Fazem as regras mais simples para levar sumo, leite e comida de bebé a bordo para que possa dar de comer à criança.

Mas não se esqueça de o declarar! Mesmo que seja só comida de bebé ou leite em pó, deve declarar na alfândega para prevenir problemas e atrasos.

Enquanto comida, leite, água, e outros itens para bebé estão excluídos da regra 3-1-1, os agentes de segurança vão esperar que leve uma quantidade razoável que seja apenas o suficiente para a sua viagem. Mantenha os itens numa área acessível, porque pode ser pedido um screening adicional dos mesmos. È também possível que abram, vejam e cheirem os recipientes.

Bom apetite!

Viajar com comida pode tornar as esperas no aeroporto mais calmas. Mesmo que demore algum tempo a seguir todas as regras da companhia aérea, vale a pena porque significa que vai estar sempre satisfeito com o que come.

Ainda tem dúvidas acerca de que comida pode ou não passar na segurança do aeroporto? Se há algo que não tenha a certeza, pode sempre entrar em contacto com a companhia e perguntar-lhes diretamente. Se viaja para ou dentro dos Estados Unidos, pode ainda fazer download da aplicação MyTSA para o telemóvel, onde tira uma foto dos itens e pergunta se pode passar com os mesmos pela segurança.

Por isso não fique chateado e esteja à vontade para levar os seus snacks no avião. Uma vez que levanta voo, tudo o que falta é desfrutar a sua refeição.

Voos atrasados acontecem, mas isso não significa que tenha que aceitá-los. Pode ter direito a até 600€ em compensação por voos atrasados, cancelados ou com overbooking nos últimos 3 anos.